Outras páginas

sexta-feira, 29 de julho de 2011

Brasileiros classificados para a final dos 50 m livre em Xangai

(Crédito: Satiro Sodré/Agif)
O brasileiro Bruno Fratus superou Cesar Cielo e cravou o melhor tempo das semifinais dos 50 m livre do Mundial de Esportes Aquáticos, em Xangai (China). Nesta sexta-feira, Fratus cravou a marca de 21s76, contra 21s79 de Cesar Cielo que se classificou para a final com o segundo melhor tempo.

A terceira marca das semifinais foi do norte-americano Nathan Adrian, com 21s94.

Nas eliminatórias, Fratus havia se classificado com o 13º tempo, com 22s26, enquanto Cesar Cielo marcou 22s03 --mesmo tempo do norte-americano Nathan Adrian e George Bovell, de Trinidad e Tobago.

Campeão olímpico e mundial da prova, Cielo vai em busca de sua segunda medalha em Xangai. Ele já foi campeão dos 50 m borboleta. Além de Cielo, o Brasil já conquistou outras duas medalhas de ouro na China com Ana Marcela Cunha na maratona 25 km e com Felipe França nos 50 m peito.

Fonte: www.folha.com.br/esporte

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Torcida rubro nega receber jogadores no aeroporto


(Fotos: Wagner Méier)

Após a vitória histórica sobre o Santos por 5 a 4, na Vila Belmiro, a delegação do Flamengo desembarcou no Aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro, na tarde desta quinta-feira. E como não podia ser diferente, a recepção foi marcada por muita festa, e Ronaldinho, autor de três gols e estrela do jogão, foi ovacionado por cerca de 100 torcedores presentes ao local.

- Essa vitória é boa porque mostra o nosso potencial. Tem gente que não acreditava na gente. Tenho certeza que alguns torcedores desligaram a televisão. Mas depois, quando viram o resultado não acreditaram no que aconteceu. As pessoas têm que acreditar neste time - disse Renato.

O volante Willians, que cometeu o pênalti em Neymar, destacou o espírito guerreiro da equipe dentro de campo. O atleta foi o mais ovacionado, depois de Ronaldinho na chegada do time ao Rio.
- Nosso time teve o mérito de não desistir nunca. Sabemos que a equipe do Santos é muito forte. Eles têm muitos jogadores bons. Mas, mesmo perdendo de 3 a 0, fomos guerreiros e buscamos o resultado lá dentro da Vila Belmiro - disse o jogador, que foi recebido pelos torcedores presentes no aeroporto com os gritos de 'O Willians parou o Neymar'.


quarta-feira, 27 de julho de 2011

Felipe França é campeão dos 50 metros em Xangai


Reuters
O brasileiro Felipe França deu a volta por cima ao vencer nesta quarta-feira a prova dos 50 metros do Mundia de Esportes Aquáticos em Xangai.

Felipe marcou o tempo de 27s01 e superou o italiano Fabio Scozzoli, prata, com 27s17, e o sul-africano Cameron Van der Burgh, recordista da prova, que precisou se contentar com a medalha de bronze, ao marcar 27s19. Com a vitória, o brasileiro compensou a decepção de ficar de fora da final na prova dos 100 metros.

França já havia batido na trave no Mundial de Roma de 2009, quando ficou com a prata nos 50 metros. No ano seguinte, faturou o ouro no Mundial de piscina curta em Dubai. Desta vez, o brasileiro obteve a maior conquista de sua carreira.

A equipe brasileira somou seu terceiro ouro em Xangai. Na segunda-feira, Cesar Cielo venceu a prova dos 50 metros borboleta. E, Ana Marcela faturou o primeiro lugar na maratona aquática de 25 km no sábado.

terça-feira, 26 de julho de 2011

A volta por cima!!

Foto: net
Após o fracasso na Copa América-2011, o técnico Mano Menezes busca alternativas para melhorar a produção da seleção brasileira. Na convocação desta segunda-feira para o amistoso do dia 10 de agosto contra a Alemanha, o treinador optou por um nome praticamente desconhecido do torcedor: o volante Luiz Gustavo, do Bayern de Munique.

Natural de Pindamonhangaba, no interior paulista, o atleta segue a linha daqueles que tiveram a vida cercada de dificuldades até conseguir um lugar ao sol. Mas uma curiosidade consta no caminho do meio-campista. Empresário responsável por sua contratação pelo Hoffenheim, Thomas Federspiel teve a certeza em indicá-lo depois de uma partida em que Luiz Gustavo foi vaiado impiedosamente pela torcida do CRB-AL, na derrota em casa para o Santo André, pela Série B do Brasileirão de 2007.

"O Luiz Gustavo provou ser um jogador de caráter. O técnico o tirou de campo naquele jogo e, três dias depois, ele colocou na cabeça e disse que faria um jogão contra o Fortaleza. E fez mesmo. Depois, entendi o motivo das vaias: tinha vazado a notícia do interesse do futebol alemão", explica o agente, na época olheiro oficial do Hoffenheim.

Luiz Gustavo já vinha no raio de observação de Thomas Federspiel desde a rodada anterior da competição nacional. Aliás, o jogador estava na segunda passagem pelo CRB. Com 17 anos, depois de dois testes sem sucesso no Santos e abalado pela recente morte da mãe que quase o tirou do futebol, ele realizou uma peneira em São Paulo que o levou a Maceió. Inicialmente, o jogador não vingou.

Em seguida, partiu para o Corinthians Alagoano e também demorou a ganhar oportunidades. Chegou a atuar pelos desconhecidos Ipanema e Universal Futebol Clube. De volta ao Timão da Vila Expressa, percebeu que teria de se esforçar para vencer na vida profissional.

O presidente do Conselho Deliberativo do Corinthians-AL, João Feijó, conta que Luiz Gustavo seguiu à risca a advertência de pessoas mais velhas para ganhar espaço no futebol.

"Ele passou a treinar sozinho. Seu chute não tinha direção, então ele pegava a bola e treinava as finalizações de longe, sem ninguém no campo. O trabalho deu certo. Lá na frente, ele foi destaque no campeonato aqui com seis gols", recorda o dirigente, que foi além. "Quando chegou ao nosso clube, ninguém o valorizava. Depois, nós o oferecemos a Atlético-MG e Cruzeiro, que também não quiseram".

Aqueles que conviveram com Luiz Gustavo acreditam que a maior virtude deste desconhecido é a simplicidade. "Ele sempre foi uma pessoa séria e trabalhadora", conta João Feijó, que tem o mesmo discurso de Thomas Federspiel. "Era um jogador que ninguém acreditava, não teve nenhum clube de expressão que se preocupou em observá-lo. Trata-se de um atleta simples e, ao mesmo tempo, eficiente, era o perfil que procurávamos na época para o Hoffenheim", completa o empresário.

Ao Corinthians de Alagoas, Luiz Gustavo trouxe lucros importantes na negociação em definitivo com o Hoffenheim. O clube - que já teve o zagueiro Pepe (atualmente no Real Madrid, da Espanha) e o meia Deco (do Fluminense) em seu elenco - lucrou cerca de R$ 3 milhões com o volante convocado por Mano Menezes à seleção brasileira.

Desde o início do ano, Luiz Gustavo defende o poderoso Bayern de Munique, uma das potências do futebol europeu, com contrato assegurado até 30 de junho de 2015. Nesta nova transação, seus direitos já custaram R$ 33 milhões. Segundo Thomas Federspiel, a badalação de jogar no gigante alemão não mudou a postura do atleta.

"Ele sabe que não é um craque. Sua maior virtude na Alemanha foi se interessar pela língua, pela cultura, procurou entender o que os alemães queriam, ao contrário de alguns brasileiros que vão para lá e têm a mesma postura de quando estavam no Brasil. Ninguém fala mal dele por lá", encerra o empresário, que atualmente é o olheiro oficial do Bayer Leverkusen.


segunda-feira, 25 de julho de 2011

Selecionados de Mano para amistoso contra Alemanha


Wilton Junior/AE
O técnico Mano Menezes garantiu nesta segunda-feira que o fracasso na Copa América em nada afetará sua proposta ofensiva de jogo para a Seleção. O treinador reforçou a confiança nos seus pensamentos e pediu que esta também fosse compartilhada no ambiente externo do grupo brasileiro.

- É mais fácil jogar no erro do adversário. Com a pressão sobre os técnicos, é mais cômodo. Quando não tem resultado, colocam em questão o treinador. É preciso parar de fazer certo terrorismo com o resultado de uma partida. Vamos dar mais estabilidade à Seleção, pelo menos externamente. Queremos voltar a correr riscos novamente para encontrarmos o futebol que todos querem ver - afirmou.

Nesta segunda, Mano convocou 23 jogadores para o amistoso contra a Alemanha, no próximo dia 10. Será a primeira partida desde a eliminação nas quartas de final da Copa América, diante do Paraguai, nos pênaltis. O jogo também tem outro simbolismo: marcará um ano do treinador à frente da Seleção.
Para Mano, o balanço do período é positivo, mesmo com alguns tropeços, como as derrotas para Argentina e França, além dos empates com Holanda, Venezuela e Paraguai:

- Foi um ano muito intenso na condução do trabalho, da responsabilidade que é dirigir a Seleção. Acho que estamos caminhando na direção certa. Disse isso depois da derrota, quando é mais difícil dizer. Não vamos usar desculpas, como ouvi recentemente, porque não é minha maneira de conduzir o trabalho. Queimar etapas sempre traz um risco maior. Essa agenda intensa de amistosos vai contribuir muito para que tenhamos as avaliações do que é o trabalho.

A linha de trabalho de Mano continuará a mesma também na escolha dos rivais. Segundo o treinador, a Seleção seguirá enfrentando rivais de primeiro nível, como já fez diante de Holanda, Argentina e França.

- Temos essa necessidade, já que não teremos Eliminatórias. São grandes adversários. Isso não era comum antes porque não tinha essa necessidade. Porque a Seleção não seria anfitriã de um Mundial. Precisa dar rodagem contra jogadores desse nível. É um risco maior, mas ideal pelo que teremos pela frente - concluiu.

Fonte: www.lancenet.com.br/selecao/fracasso-Mano-promete-manter-ofensivo_0_523747662.html#ixzz1T95rPBtU 

sábado, 23 de julho de 2011

Denilson e Lucas são as principais novidades no novo São Paulo de Adilson Batista


(Foto: Eduardo Viana)
 Os dois subiram das categorias de base para os profissionais do São Paulo como grandes apostas do clube. Ambos já estiveram tanto na Seleção Brasileira principal como nas inferiores. Apesar de jovens, têm experiência. Tanto que jogaram até no Emirates Stadium, em Londres (ING).
Há muita semelhança entre Denilson e Lucas, mas eles só se conheceram na última terça-feira. E neste sábado a dupla é a grande novidade dentro de campo no time tricolor que enfrenta o Atlético-GO, no Morumbi, às 18h30. Isso porque, fora das quatro linhas, Adilson Batista fará a estreia dele como novo técnico do clube. Em relação ao time que venceu o Internacional, as principais mudanças serão justamente Denilson e Lucas, nos quais o comandante deposita muita confiança.

Adilson ficou impressionado com o desempenho do camisa 15 nos treinos desta semana e vai promover a reestreia dele pelo São Paulo. Só não se sabe por quanto tempo.

– O jogo que vai dizer se ele tem condições ou não de suportar os 90 minutos. Pelos três dias de trabalho, a dinâmica dá gosto de ver – declarou o treinador.

Lucas também é constante alvo de elogios de Adilson. Depois de desfalcar o time por cinco partidas devido à Copa América, o camisa 7 encontrou um Tricolor renovado. Além do treinador, novos companheiros. O que o meia não quer que mude é o aproveitamento de 100% da equipe com ele em campo.

Nos poucos dias de convívio com Denilson, Lucas já percebeu que o volante é tímido e tranquilo. Na hora de posarem para a foto acima, pôde-se ver que o entrosamento ainda não é dos melhores fora de campo. Mas o que realmente importa é quando a bola rolar. Os dois já estiveram muito perto diversas vezes, mas o encontro demorou. Com a dupla formada, é hora de corresponder.

– Agora, estamos juntos no São Paulo. Espero que dê uma boa parceria e que o torcedor tenha muitas alegrias – disse Lucas, ao LANCENET!

É o que Adilson também espera.

Coincidências entre Lucas e Denilson:
Categorias de base

Denilson chegou ao Tricolor em 1998, com apenas 10 anos. Ele ficou nas categorias de base até 2005, quando foi para o profissional. Nesse mesmo ano, foi a vez de Lucas, então apelidado de Marcelinho, ingressar no clube.

Seleções de base

Denilson foi campeão sul-americano sub-17 em 2005, como capitão da Seleção. Neste ano, Lucas conquistou o Sul-Americano Sub-20. Além de vestir a camisa 10, foi capitão na final.

Seleção principal

Denilson chegou a ser convocado, mas não teve a oportunidade de entrar em campo com a Amarelinha. Já com Lucas foi diferente. Em sua primeira convocação, logo teve a chance de estrear. O curioso é que a partida, contra a Escócia, aconteceu no Emirates Stadium, em Londres (ING), estádio que pertence ao Arsenal. O clube londrino detém os direitos federativos de Denilson e o emprestou ao São Paulo por uma temporada


























terça-feira, 19 de julho de 2011

(Wolfgang Rattay/Reuters)

O Japão é campeão mundial de futebol feminino. Após empate por 2 a 2 com os Estados Unidos na prorrogação, as japonesas venceram por 3 a 1 nos pênaltis, em Frankfurt, na Alemanha, e conquistaram a Copa do Mundo pela primeira vez. Apesar de chegar à decisão como favorita, as experientes jogadoras norte-americanas sentiram a pressão e desperdiçaram três penalidades, enquanto o Japão errou apenas uma.

Longe de ser apontada como uma das favoritas, a seleção japonesa surpreendeu ao longo de toda a competição. Até então, a melhor campanha em um Mundial havia sido em 1995, quando foi eliminada para as próprias americanas nas quartas de final.

(Wolfgang Rattay/Reuters)
Com o título, o Japão entra no seleto grupo de seleções que já conquistaram o Mundial Feminino. Ao lado da Alemanha, as próprias norte-americanas são as que mais conquistaram a competição, com dois títulos cada. A Noruega é a única outra seleção que também já levantou o troféu, em 1995.

Comentário do blog: Parabéns ao Japão pelo investimento no futebol feminino. Com certeza fizeram por merecer o título de campeãs mundiais, se juntando ao grupo seleto de campeões.

Que os gurus da CBF tenha vergonha na cara e comecem de fato a encarar o futebol feminino conforme sua importância. Se faz necessários ter uma competição nacional de longa duração, um Brasileirão Feminino.

Assim, nossas heroínas, atletas, terão a oportunidade de se fortalecer em experiência e nivelamento. 

Se não abrirem os olhos, essa geração de ótimas jogadoras, passarão despercebidas e sem título algum! Que a CBF que é uma instituição pública dos brasileiros, se posicione conforme o tamanho e importância que o futebol feminino tem atualmente.

       
Fonte: http://www.band.com.br/esporte /com adaptação de Valdir Inácio.

sexta-feira, 15 de julho de 2011

Tricolor é campeão da 5ª Copa 2 de Julho 2011

Foto: copa 2 de julho
Uma das máximas do futebol diz que uma final, para ser boa, precisa ser emocionante. E na decisão da quinta edição da Copa 2 de Julho, que aconteceu nesta quinta-feira (14/7), em Lauro de Freitas, não faltou emoção. No primeiro tempo, até deu a impressão de que ela iria se ausentar e que o São Paulo iria conquistar o troféu sem problemas, afinal já vencia por 2 a 0. No segundo tempo, o placar já apontava 3 a 0, mas o Santos diminuiu para 3 a 2, faltando ainda 12 minutos e, a partir daí, a partida foi dramática até o apito final, quando, enfim, os garotos do tricolor paulista puderam respirar aliviados e comemorar.

Foto: Paulo Neves Ascom Sudesb
A competição, que é uma das maiores da categoria no País, é realizada pelo Governo do Estado, por meio da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia – Sudesb, com o apoio da Federação Baiana de Futebol e dos municípios participantes e busca promover a inclusão social, através do esporte, com a geração de talento e do primeiro emprego para muitos garotos, além de proporcionar à população baiana a oportunidade de acompanhar partidas de alto nível técnico.

Ficha Técnica:
São Paulo 3x2 Santos
Gols:
 Carlos, Romário e Paulo Marcelo (São Paulo) Bruno Lamas e Victor Andrade (Santos)
São Paulo: 12 Jairo, 10 Lucas Farias, 3 Phelipe, 4 Carlos e 6 Arthur; 5 Allan, 8 Matheus Reis, 7 Nelson (13 Almir Gullit); 11 Pedro Henrique (2 Danilo), 18 Romário (9 Lucas Douglas) e 19 Paulo Marcelo (17 Aílton).
Santos: 1 Guido, 4 Caíque, 2 Venício (16 Victor Andrade), 13 Dias e 3 Dutra (15 Leonardo); 5 Pedro Henrique Maratta, 8 Otávio, 10 Neilton (20 Diego); 11 Kauê (17 Crispim), 7 Vitor Hugo e 9 Bruno Lamas.


quarta-feira, 13 de julho de 2011

Paulistas disputam título da Copa 2 de Julho 2011

Foto: divulgação
Santos e São Paulo deixaram as outras 46 equipes para trás e farão a decisão da quinta edição da Copa 2 de Julho de futebol sub-17 nesta  quinta-feira (14/7), às 19h15, em Lauro de Freitas. Nesta terça-feira (12/7), os rivais paulistas eliminaram os adversários nas semifinais e confirmaram presença na final. O Santos venceu o Bahia, por 2 a 1, enquanto o São Paulo derrotou o Sendas, do Rio de Janeiro, por 3 a 1.

A partida decisiva marcará um duelo interessante entre dois jogadores que podem comemorar o bicampeonato da competição. O lateral-direito e meio-campista do São Paulo, Lucas Farias, e o goleiro do Santos, Guido, que conquistaram a Copa 2 de Julho em 2010 com a seleção brasileira da categoria.

Foto: divulgação
“No ano passado, eu fui campeão com a seleção e esse ano não vai ser diferente. A gente vem perdendo para o Santos por dois anos e vai ter uma motivação a mais para jogar contra eles. A equipe está forte e vamos para cima”, disse Lucas Farias, autor do terceiro gol do São Paulo na semifinal. “Vai ser importante disputar mais uma final e, dessa vez, vamos fazer um clássico paulista na Bahia”, completou o goleiro baiano Guido, do Santos. 

Na decisão não há vantagem do empate para nenhuma equipe. Se o placar terminar empatado, acontecerá uma prorrogação com dois tempos de 10 minutos. Se a igualdade permanecer, o título será decidido nos pênaltis. O Santos tem a melhor campanha da competição, pois venceu todas as oito partidas disputadas até o momento. O Peixe fez 31 gols e sofreu apenas 2. Já o São Paulo teve apenas um empate, ainda na primeira fase, com a ABB. Ao todo, fez 25 gols e sofreu 7.

O jogo será importante também para Paulo Marcelo, do São Paulo, que poderá se isolar na artilharia da competição. Com 12 gols, ele está empatado com Kauhan, do Avaí, que já foi eliminado. O goleador do Santos na Copa é Victor Hugo, com sete gols.  



terça-feira, 12 de julho de 2011

Tevez mais uma vez no timão?

Foto: divulgação 
O sonho corintiano de contratar Carlitos Tevez mexe com a imaginação do torcedor. Todas as partes envolvidas na negociação confirmam a negociação. Com aval de Kia Joorabchian, ex-presidente do MSI e donos do direitos econômicos do jogador, o clube colocou os números na mesa, por meio do advogado Adrian Ruocco.

Na estreia do filme "4x Timão: A conquista do tetra", na Livraria Cultura, em São Paulo, foi a vez Luiz Paulo Rosenberg, diretor de marketing, confirmar a oferta e analisar a possível chegada do argentino.

- Você depende muito do lado de lá (Manchester City). O que podemos garantir é que o Corinthians fez uma proposta concreta, tem interesse e o nosso objetivo é sempre manter um jogador de alto nível em nosso elenco, de padrão Ronaldo. Vamos manter a revelação de talentos, como Willian e Welder, e ao mesmo tempo queremos completar com jogadores do nível do Fenômeno - declarou.

www.lancenet.com.br/corinthians/Rosenberg-Tevez-tsunami-futebol-brasileiro_0_515948438.html#ixzz1Rtqa4Dgi 

segunda-feira, 11 de julho de 2011

Bahia empata e disputa a semifinal terça 12/07 contra o Santos

Crédito: Copa 2 de Julho
Com o empate, o tricolor baiano perdeu a melhor campanha da competição para o Santos, que manteve os 100% de aproveitamento, ao derrotar o Figueirense, por 2 a 0. Na terça-feira, o time paulista joga pelo empate. Na outra semifinal, o São Paulo terá a vantagem do empate contra o Sendas, do Rio de Janeiro, que venceu o Atlântico, por 5 a 2.

Também em Lauro de Freitas, logo depois, do jogo do Bahia, o São Paulo goleou São Francisco do Conde por 4 a 0. O tricolor paulista abriu o placar logo no primeiro minuto de jogo, com Lucas Farias. Romário ampliou aos 25 minutos. Na segunda etapa, aos 24 minutos e aos 25 minutos Paulo Marcelo ampliou e fechou o placar para o São Paulo. A goleada do tricolor paulista só não foi maior porque o goleiro Leonardo fez uma grande partida. 

Ex-ponta-esquerda da Seleção Brasileira, do Santos e do próprio São Paulo entre as décadas de 1970 e 1980, o treinador da equipe paulista, Zé Sérgio, avaliou a participação do clube até o momento na Copa. “Este ano está sendo mais tranquilo do que o ano passado, porque estamos tendo alguns dias de folga durante o torneio. Amanhã (segunda) será um dia de descanso. Também já estamos nos sentindo em casa em Lauro de Freitas, bem adaptados ao campo. As perspectivas para chegar à final são até maiores que em 2010, quando fomos vice-campeões, mas chegamos muito cansados. Outra diferença é que agora estamos jogando para ganhar, mesmo podendo empatar”, disse.


CONFRONTOS DAS SEMIFINAIS – Terça-feira (12/7)
18 horas – Santos* x Bahia – Camaçari
15 horas - São Paulo* x Sendas – São Francisco do Conde
*possuem a vantagem do empate

 -------------------------------------------------------------

Resultados das quartas-de-final (10/7)
Bahia* 3x3 Chivas Guadalajara
Santos 2x0 Figueirense
Sendas 5x2 Atlântico
São Paulo 4x0 São Francisco do Conde
*tinha a vantagem do empate

Resultados das oitavas-de-final (9/7)
Figueirense 2x1 Vitória – no Jóia da Princesa, em Feira de Santana
Santos 5x0 Feirense – em Camaçari
Bahia 1x0 Sport – em Lauro de Freitas
Chivas* 1x1 Avaí – em Camaçari
São Paulo 2x1 Cruzeiro – em Lauro de Freitas
São Francisco do Conde 2x1 Galícia – em São Francisco do Conde
Araçás 1x3 Atlântico – em Araçás
Terra Nova 0x3 Sendas – em São Francisco do Conde
*tinha a vantagem do empate, por ter melhor campanha






sábado, 9 de julho de 2011

Oitavas de finais acontecem hoje 09/07

Crédito: Copa 2 de Julho

Depois de 120 partidas na primeira fase, com 447 gols marcados, média de 3,7 por jogo, foram definidos os 16 classificados e os cruzamentos da fase de oitavas-de-final da quinta edição da Copa 2 de Julho de futebol sub-17. Nove equipes já estavam classificadas antecipadamente e as sete restantes foram conhecidas nesta quinta-feira (7/7): Terra Nova, Avaí, Vitória, Atlântico, Sendas, Galícia e Feirense. Estes se juntaram a Bahia, Santos, Chivas, São Paulo, Figueirense, São Francisco do Conde, Araçás, Cruzeiro e Sport.

O Vitória confirmou o que apenas a matemática insistia em negar: também já estava classificado. Com o triunfo de 3 a 2 sobre a seleção de Camaçari, o rubro-negro chegou aos 12 pontos  e confirmou a segunda colocação do grupo B e a 10ª melhor campanha do geral (tem o nono melhor desempenho, mas perde para a seleção de Terra Nova que foi primeira colocada de sua chave).

Todos os jogos das oitavas-de-final acontecerão neste sábado (9/7) e o Vitória irá enfrentar, às 15 horas, no Jóia da Princesa, em Feira de Santana, o Figueirense, que já estava classificado antecipadamente como primeiro colocado do Grupo A e terminou a primeira fase com a quinta melhor campanha do geral. 

O time de melhor campanha foi o Bahia, que venceu todos os jogos, marcou 35 gols e sofreu apenas 1. Na próxima fase, o tricolor baiano irá enfrentar o Sport Recife, segundo colocado do grupo D, às 16 horas em Lauro de Freitas, antes do confronto entre São Paulo e Cruzeiro, às 17h30. 


Além do Bahia, apenas Santos e Chivas Guadalajara, do México, conseguiram terminar a primeira fase também com 100% de aproveitamento. Detentor da segunda melhor campanha, o Santos enfrenta o Feirense, às 15h30, em Camaçari. Antes do confronto entre Chivas e Avaí, que começa às 17 horas. 

Com 15 pontos conquistados, o Chivas já é o clube estrangeiro de melhor campanha em uma edição da Copa 2 de Julho. O posto era ocupado pelo América, também do México, que foi eliminado nas oitavas-de-final de 2008, com 12 pontos. 

Em Araçás, a seleção da casa, que fez uma ótima campanha (7ª melhor) jogará, às 15 horas, com o Atlântico, que protagonizou a maior surpresa da rodada, ao eliminar o Ceará, que era o primeiro colocado do Grupo H, vencendo por 2 a 1.São Francisco do Conde recebe os dois outros confrontos. Às 15 horas, a seleção de Terra Nova encara o Sendas, do Rio de Janeiro. Mais tarde, às 16h30, a seleção da casa enfrenta o Galícia.


CRUZAMENTOS DAS OITAVAS-DE-FINAL (9/7)

15h Figueirense* x Vitória – no Jóia da Princesa, em Feira de Santana
15h30 Santos* x Feirense – em Camaçari
16h Bahia* x Sport – em Lauro de Freitas
17h Chivas* x Avaí – em Camaçari
17h30 São Paulo* x Cruzeiro – em Lauro de Freitas
16h30 São Francisco do Conde* x Galícia – em São Francisco do Conde
15h Araçás* x Atlântico – em Araçás
15h Terra Nova* x Sendas – em São Francisco do Conde

*possuem a vantagem do empate

Fonte: copa-2dejulho.blogspot.com

quarta-feira, 6 de julho de 2011

Retrospecto da 3ª Rodada da Copa 2 de Julho

Crédito: Copa 2 de Julho

Mantendo os 100% de aproveitamento, o Bahia aplicou, nesta terça-feira (5/7), em Mata de São João, contra a seleção local, a maior goleada desta quinta edição da Copa 2 de Julho de futebol sub-17. O placar de 12 a 0 deixou o tricolor com a melhor campanha da competição após o final da terceira rodada, graças ao impressionante saldo positivo de 18 gols, fruto de um ataque que tem média de seis gols marcados por jogo e de uma defesa que ainda não sofreu nenhum.

Crédito: divulgação
Com o resultado, o Bahia pode garantir vaga nas oitavas-de-final já nesta quarta-feira, quando enfrenta o time da Fefa, lanterna do grupo, sem nenhum ponto marcado, às 15 horas, em São Sebastião do Passé. Um empate é o bastante para antecipar a classificação, mas é importante lembrar que o clube deve procurar manter a ótima campanha para conseguir a vantagem do empate nos jogos eliminatórios seguintes. Em 2010, o tricolor foi eliminado pelo São Paulo, na semifinal, depois de um empate, por ter campanha geral inferior ao clube paulista.

Outros 100% - No entanto, não é só o Bahia que está com 100% de aproveitamento na competição. Tem a companhia  do Santos, que derrotou a seleção de Dias D'Ávila, por 2 a 1, nesta terça, e lidera o Grupo B; do São Paulo, que venceu o The Villages, por 3 a 1, e está na ponta do Grupo E; do Cruzeiro, líder do Grupo F, que derrotou Irecê, por 3 a 0; da seleção de Araçás, líder do Grupo G, que venceu Juazeiro, por 2 a 0; além de Chivas Guadalajara, do México, e Sport Recife, que têm encontro marcado, nesta quarta-feira, às 18 horas, em Santo Antônio de Jesus, valendo a liderança do Grupo D. Nesta terça, o Sport venceu Itaparica, por 3 a 1, e o Chivas derrotou o Cruzeiro de Cruz das Almas, por 3 a 2.

Figueirense, no Grupo A, e Ceará, no Grupo H,  ambos com sete pontos, são so únicos líderes de chave que não venceram todas as partidas na competição. Os dois clubes, que fazem parte da elite do futebol nacional, pois disputam a Série A de profissionais, estrearam empatando, mas venceram nas rodadas seguintes e seguem firmes para a classificação.Neste momento, todos os sete clubes da Série A estão na zona de classificação para a segunda fase (Bahia, Santos, São Paulo, Cruzeiro, Figueirense, Ceará e Avaí). 

Confronto decisivo - O Vitória, que tem seis pontos, e é o segundo colocado do Grupo B, tem um jogo chave para as sua classificação nesta quarta-feira, às 16 horas, em Dias D'Ávila, contra a seleção local, que tem os mesmos seis pontos, mas tem um saldo de gols inferior e, por isso, está na terceira colocação. 

Depois de perder para o Santos, líder do grupo o domingo (3/7), o rubro-negro baiano se recuperou, nesta terça-feira, ao vencer o Salvador, por 2 a 1, mas não deverá encontrar qualquer facilidade nesta quarta, já que a equipe de Dias D'Ávila vai atuar em casa e só perdeu uma partida nesta Copa 2 de Julho, para o Santos e de forma apertada, por apenas 2 a 1. Como o Santos já enfrentou os dois principais adversários da chave e já está na frente deve restar apenas uma vaga para ser disputada entre as duas equipes baianas.

A competição, que é uma das maiores da categoria no País, é realizada pelo Governo do Estado, por meio da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia – Sudesb, com o apoio da Federação Baiana de Futebol e dos municípios participantes e busca promover a inclusão social, através do esporte, com a geração de talento e do primeiro emprego para muitos garotos, além de proporcionar à população baiana a oportunidade de acompanhar partidas de alto nível técnico.  

Jogos da quarta rodada 6/7

13h30- Atlântico x Destroyers – em Cachoeira – Grupo H
15h – Bahia x Fefa – Em São Sebastião do Passé – Grupo C
15h – JV Lideral x Avaí – em Pojuca - Grupo C
15h – Mata de São João x Pojuca – em Mata de São João – Grupo C
15h- Cachoeira x Ceará – em Cachoeira – Grupo H
15h- Terra Nova x Jacuipense – em Terra Nova – Grupo H
15h – Fluminense de Feira x Bahia de Feira – no Jóia da Princesa – Grupo A
15h – Astro x Feirense – na Vila Olímpica de Feira de Santana – Grupo A
15h – Conceição da Feira x Figueirense – em Conceição da Feira – Grupo A
15h – Corinthians de Alagoas x Itaparica – em Cruz das Almas – Grupo D
15h- Lauro de Freitas x Simões Filho – no estádio de Itinga – Grupo E
15h- São Francisco do Conde x ABC – em São Francisco do Conde – Grupo F
15h – Esplanada x Araçás – em Esplanada – Grupo G
15h- Catuense x Sendas/RJ – em Araçás – Grupo G
15h- Juazeiro x Portuguesa Santista –em Alagoinhas – Grupo G
15h30 – Salvador x Camaçari – em Camaçari – Grupo B
16h – Dias D’Ávila x Vitória – em Dias D’Ávila – Grupo B
16h – Madre de Deus x Irecê – em Madre de Deus – Grupo F
16h30 – Cruzeiro/MG x Ypiranga – em São Francisco do Conde – Grupo F
17h – Santos x Aracaju – em Camaçari – Grupo B
17h – São Paulo x ABB – em Lauro de Freitas – Grupo E
18h – Sport x Chivas Guadalajara – em Santo Antônio de Jesus – Grupo D
18h30 – Galícia x The Villages – no estádio de Itinga – Grupo E
19h30 – Santo Antônio de Jesus x Cruzeiro de Cruz das Almas – em Santo Antônio de Jesus – Grupo D



Fonte: copa-2dejulho.blogspot.com/ adptação Valdir Inácio

terça-feira, 5 de julho de 2011

Cidade de Aracaju em busca da primeira vitória



Após duas rodadas sem conquistar pontos na competição a equipe do Cidade de Aracaju tem hoje (05/07) mais uma oportunidade para reescrever uma nova página nas estatísticas na sua primeira participação da 5ª Copa 2 de Julho realizada no estado da Bahia. 

Hoje, acontece a 3ª rodada da competição com diversos jogos nas sedes participantes. Por sua vez o Cidade de Aracaju se desloca para a cidade de Camaçari, onde enfrentará a equipe anfitriã no estádio local às 17 horas. O jogo é decisivo para o Aracaju, pois ocupa apenas a 5ª posição do Grupo B, composto por Santos/SP, Vitória/BA, Seleções de Camaçari, Dias D'ávila e Salvador. 

 17h - Camaçari 1 x 2 Aracaju - em Camaçari - Grupo B

As equipes do Santos/SP e Sel. de Camaçari estão com 2 vitórias no Grupo B, seguido de 1 vitória da equipe do Vitória/BA.


Por Valdir Inácio

segunda-feira, 4 de julho de 2011

Cidade de Aracaju Estreia na Copa 2 de Julho

Desde o dia 1 de julho, a delegação do Cidade de Aracaju está na cidade baiana de Dias D'ávila. O representante sergipano está participando da V Copa 2 de Julho Sub-17, ficando no Grupo B da competição juntamente com: Vitória/BA, Santos/SP, Sel. de Camaçari, Sel. de Dias D'ávila, e Salvador.

Visando participação na Copa 2 de Julho, o plantel do Cidade Aracaju começou a trabalhar logo cedo e num período de cem dias desenvolveu os preparativos para a competição sob o comando do técnico Laerte, do Flair Play.

Na estréia, sábado dia 2, às 15:15h, estreou contra a forte base do Vitória, sendo derrotado pelo placar de 7 a 1. Considerando que o Aracaju abriu o placar aos 3 minutos do primeiro tempo com um gol de penalti. O Vitória empatou ainda no primeiro tempo.

No segundo tempo, o Vitória virou o placar com um gol contra do Aracaju. A partir daí a equipe se desestruturou e ficou fácil para o Vitória que venceu por 7 a 1.

No dia seguinte, domingo dia 3/07, enfrentou o selecionado de Camaçari, perdendo por 1 a 0. Hoje, 04/07, a equipe está de folga.

A próxima partida do Aracaju será amanhã, dia 05/07, contra a Seleção de Camaçari às 17 horas.

Elenco do Cidade de Aracajuano

Goleiros – Zé Lucas e Rodrigo;
Alas – Derick, Eduardo, Iuri e Tony Sergipano;
Zagueiros – Adélio, Léo, Igor, Deivisson, Idelbrando, Alemão e Ricardo;
Volantes – Jefesson, Lucas e Diego;
Meias – Esquerdinha, Léo Maceió, Saulo, Pedro e Igor José;
Atacantes – Ailton, Silas, Cristiano e Helenisson.
Comissão Técnica

Chefe da Delegação – Édson do Taxi
Técnico - Laerte
Preparador Físico – Hugo
Preparador de Goleiros - Manoel

Por Valdir Inácio