Outras páginas

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Nós apoiamos esse movimento!!!

FORA RICARDO TEIXEIRA!

Copa com prestação de contas e sem corrupção!!!

Abrace esse movimento, apoie essa causa!

Chega de corrupção, a CBF é dos brasileiros.

FORA RICARDO TEIXEIRA!


Foto: Lc Moreira



sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Leandro Damião é destaque do Internacional e alegra crianças no Hospital da Crianças


Fonte: Site Oficial do Sport Club Internacional

Com Leandro Damião, autor de 34 gols em 41 partidas nesta temporada, o Internacional repete a fórmula de sucesso na formação de artilheiros.

A rapidez da ascensão do atacante, que até os 17 anos jogava na várzea, passa pelas mãos do ex-jogador de futsal Luis Fernando Ortiz, coordenador do projeto Aprimorar da base do Internacional.

"A gente trabalha os fundamentos básicos, com as situações que ocorrem para cada função", declarou Ortiz. "É um treinamento individual e específico por posição".

Com as boas apresentações em 2011, Damião se tornou alvo de clubes europeus, mas até agora o Inter resistiu. Seus substitutos para o futuro, entretanto, já estão escolhidos: os jovens Dellatorre, 19, e Lucas Roggia, 20, foram moldados na base e agora atuam no profissional.

Após título, Damião alegra crianças no Hospital da Criança


Fonte: Site Sport Club Internacional
Artilheiro do Brasil na temporada, Leandro Damião marcou um gol diferente nesta quinta-feira (25/8). Um dia depois de decidir a Recopa Sul-Americana em favor do Inter, o camisa 9 visitou os setores de internação do Hospital da Criança Santo Antônio, pertencente ao Complexo Hospitalar Santa Casa, em Porto Alegre.
A presença do goleador, poucas horas depois da conquista de mais um título internacional pelo Colorado, fez a alegria de 70 crianças que realizam tratamento no local. Com carinho e atenção, ele dedicou parte de sua manhã para conceder autógrafos, tirar fotos e oferecer a elas um momento inesquecível. Pouco antes de ir embora, doou à instituição a camisa que utilizou e com a qual marcou um gol na decisão do último Campeonato Gaúcho, em Gre-Nal no estádio Olímpico.
"Ver o sorriso no rosto dessas crianças é maravilhoso. Todos enfrentamos dificuldades na vida, e elas trazem esse exemplo lindo de superação. Sem dúvida, foi uma manhã incrível", isse o centroavante, autor de 34 gols e oito assistências em 41 apresentações em 2011.

Fontes: www.folha.com.br/esporte

          www.internacional.com.br

quinta-feira, 25 de agosto de 2011

Grupos da Liga dos Campeões são sorteados


Foto: net

Foram sorteados, nesta quinta-feira, em Mônaco, os grupos da Liga dos Campeões. Com todos os grupos bastante equilibrados, não é possível dizer que há um grupo da morte. Por outro lado, o grupo G, com Porto, Shakhtar Donestk, Zenit São Petersburgo e APOEL, do Chipre, é, em teoria, o mais fraco, e o atual campeão português não deve ter dificuldade para avançar às oitavas de final.

O Barcelona se assustou quando o Milan foi sorteado para o grupo H, mas a inclusão de BATE Borisov, da Bielorússia, e Viktoria Plzen, de República Tcheca, devem ter deixado os catalães mais tranquilos.

Dono do estádio onde será disputada a final, o Bayern de Munique não deve ter um percurso fácil até a decisão. O grupo A, que tem o time bávaro como cabeça de chave, é um dos mais equilibrados da competição, com Villarreal, Manchester City e Napoli, uma equipe de cada um dos grandes centros do futebol mundial.


Os primeiros jogos da fase de grupos acontecem nos dias 13 e 14 de setembro. Em fevereiro de 2012 tem início a fase final. A grande decisão acontece em Munique, na Allian Arena, em 19 de maio.

Nesta sexta-feira, Barcelona, campeão da Liga dos Campeões, e Porto, detentor do título da Liga Europa, se enfrentam na decisão da Supercopa da Europa. Também nesta sexta a Uefa sorteia os grupos da Liga Europa.

As 32 equipes de 18 países ficaram ordenadas da seguinte maneira:

GRUPO A: Bayern de Munique, Villarreal, Manchester City e Napoli
GRUPO B: Intern de Milão, CSKA Moscou, Lille e Trabzonspor (TUR)
GRUPO C: Manchester United, Benfica, Basel (SUI) e Otelul Galati (ROM)
GRUPO D: Real Madrid, Lyon, Ajax e Dínamo Zagreb (CRO)
GRUPO E: Chelsea, Valencia, Bayer Leverkusen e Genk (BEL)
GRUPO F: Arsenal, Olympique de Marselha, Olympiakos e Borussia Dortmund
GRUPO G: Porto, Shakhtar Donestk (UCR), Zenit São Petersburgo (RUS) e APOEL (CHP)
GRUPO H: 
Barcelona, Milan, BATE Borisov (BLR) e Viktoria Plzen (TCH)


Fonte: www.lancenet.com.br

Bolsa Atleta Municipal de Aracaju é aprovada

Câmara de Vereadores de Aracaju aprovou, por unanimidade, o Bolsa Atleta Municipal, um projeto com apoio da Prefeitura de Aracaju, através da Secretaria de Esporte e Lazer do Município (Semel). Na oportunidade, estiveram presentes presidentes de federações atletas e treinadores.

O objetivo do projeto é favorecer aos atletas em seus treinamentos, para que possam continuar aprimorando seus resultados em busca de marcas e índices para a participação em eventos internacionais, como Pan-Americanos e Olimpíadas.

O Projeto Bolsa Atleta Municipal vai beneficiar a 80 desportistas aracajuanos, nas categorias Júnior, Sênior e Master. Os valores mensais são de 400, 800 e 1.500 reais mensais, respectivamente. Os aprovados irão passar por uma comissão de avaliação – composta por membros da Semel e representantes das federações esportivas - que irá estabelecer critérios e índices técnicos, analisar e eleger os candidatos, além de acompanhar e fiscalizar o cumprimento das responsabilidades.

Embora o objetivo do programa seja embasado na possibilidade de favorecer a atletas aracajuanos na conquista para uma vaga nas Olimpíadas de 2016, a Prefeitura de Aracaju também tomou o cuidado de garantir a inclusão dos esportes paraolímpicos no benefício.


OPINIÃO

Valdir Inácio - Coord. Geral da RJC/SE
Quão bom seria se todos os prefeitos sergipanos e porque não do Brasil tivessem a visão empreendedora esportiva e criassem políticas públicas para beneficiar os jovens e demais setores da sociedade. O que o prefeito/prefeitura e os vereadores/câmara de Aracaju fizeram é digno de tirar o chapéu.

Fala mal, crítica e torcer contra é muito fácil, mas ajudar a construir alternativas de melhoria na qualidade de vida, do esporte e de bens sociais passa longe da intenção daqueles que tem o poder na mão e não fazem. 

O povo tem a cada 4 anos a oportunidade de aprovar ou reprovar seus representantes, sejam dos cargos executivos ou legislativos. 

Nesse momento focarei minha reflexão aos nobres edis, vereadores municipais. Pois bem, o papel de fiscalizar, criar leis e aprová-las tão somente pertence ao Legislativo Municipal, aos senhores vereadores/as. Todavia, temos câmaras municipais lotadas de vereadores sem compromisso com os interesses da população, salvos as exceções. A ganância pelo poder e a falta de compromisso com o povo leva-os a cometer erros grotescos com resultados negativos.

O papel do vereador nada mais é que elaborar e produzir normas legais, ou leis, que assegurem a ordem e o desenvolvimento da coletividade através de matérias constitucionais reservadas ao município. Em outra palavras quer dizer que devem observar o princípio da legalidade a que é submetida à Administração Pública.

O vereador também é responsável pela fiscalização das matérias de ordem orçamentária e financeiras. Assim como, pela função julgadora apreciando as infrações político-administrativas do prefeito, vice-prefeito do próprio vereador e também as contas do prefeito, após parecer prévio do Tribunal de Contas do Estado. 

Enfim, o vereador tem o poder na mão e pode decidir o que é melhor e pior para o município. E, cabe a nós patrões destes, avaliar quem serão nossos próximos funcionários. Aqueles que fizeram por merecer que continue, mas aos que esqueceram do compromisso com o povo, nada mais que a rua e o esquecimento por parte da população.

Por Valdir Inácio
Com informações do site EmSergipe.Com

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Seleção sub-20 vai disputar o Pan no México


Pilar Olivares - 20.ago.11/Reuters

A CBF anunciou nesta terça-feira que vai mandar a seleção brasileira sub-20 para disputar o torneio masculino de futebol do Pan-Americano de Guadalajara, no México, em outubro.

A Odepa (Organização Desportiva Pan-Americana) tinha alterado as regras para que os países pudessem enviar times sub-22 com até três atletas com idades superiores. Assim, os países poderiam levar à competição os times que disputarão a Olimpíada de Londres-2012, pois no ano que vem os jogadores terão completado 23 anos.

Porém, a CBF alegou em nota oficial que a decisão de enviar a equipe sub-20 obedece "a uma sequência natural de trabalho no projeto olímpico".
A entidade ainda informou que Mano Menezes ressaltou que com a sub-20 haverá "um maior equilíbrio na competição --os adversários estarão com seleções sub-22 -- o que não aconteceria, por exemplo, caso a sub-17 fosse a escolhida pela CBF".

A equipe brasileira sub-20 conquistou no último fim de semana o Mundial da categoria, na Colômbia. O time bateu Portugal na prorrogação por 3 a 2 e ficou com o título.

Fonte: www.folha.com.br/esporte

segunda-feira, 22 de agosto de 2011

Brasileirão está embolado


Foto: montagem-net 


O Corinthians esteve com a faca e o queijo na mão para conquistar o simbólico título do primeiro turno e faturar o troféu Osmar Santos com uma rodada de antecedência. Mas o time foi surpreendido no sábado pelo Figueirense, no Pacaembu, perdendo por 2 a 0 e deixando a emoção da disputa para a última jornada. Os jogos do fim de semana, aliás, deixaram quarto time ainda com chances de terminar essa primeira etapa do Brasileirão na ponta. Além do Timão, São Paulo, Flamengo e Vasco ainda aspiram obter a taça.

O tropeço ante os catarinenses foi o segundo do Timão em casa na sequência, pois uma semana antes a equipe ficara no 2 a 2 com o Ceará. O Flamengo, por sua vez, não conseguiu recuperar-se da goleada em casa para o Atlético-GO no meio de semana e empatou por 2 a 2 com o Internacional, no Beira-Rio. O jogo foi alucinante e contou com um belo gol de falta de Ronaldinho Gaúcho e um lindíssimo tento do atacante colorado Leandro Damião, de bicicleta. Os gaúchos, com o resultado, permanecem na zona de classificação para a Copa Sul-Americana, em sétimo lugar.

O São Paulo perdeu pela terceira vez seguida a oportunidade de encostar no líder Corinthians ao empatar com o Palmeiras por 1 a1, no Morumbi, em clássico morno. Dagoberto fez um golaço, mas cabeçada do zagueiro Henrique na segunda etapa impediu o triunfo tricolor. Já o Vasco, outro postulante ao Osmarzão, também ficou na igualdade em um confronto regional. A equipe ficou no a 1 a 1 com o Fluminense, no Engenhão, é o quarto colocado com 34 pontos.

Um carioca que se deu bem na rodada foi o Botafogo, que derrotou o Atlético-MG por 3 a 1, na capital carioca, e manteve a quinta colocação, que hoje daria uma vaga na próxima Copa Libertadores por conta da presença do Vasco no bolo, time que já tem a vaga por ter conquistado a Copa do Brasileiro. Já o Galo afunda cada vez mais na zona do rebaixamento e o técnico Cuca segue sem vencer no comando da equipe. Em contrapartida, o Santos venceu sua primeira partida fora de casa no Brasileirão ao derrotar o Bahia por 2 a 1, em Salvador, e deixou a zona da degola (a equipe tem dois jogos a menos que a maioria dos seus rivais).

Com o bom resultado santista, o Atlético-PR voltou a figurar na zona de descenso ao empatar por 2 a 2 com o América-MG, lanterna da competição, na Arena da Baixada. Já o Avaí permaneceu também na região menos desejada da tabela ao não sair de um empate sem gols com o Coritiba, na Ressacada. O Grêmio foi outro time que ficou em maus lençóis. A equipe perdeu a segunda seguida sob o comando de Celso Roth ao cair diante do Atlético-GO por 1 a 0, em Goiânia, e está a apenas uma posição da área dos rebaixados.

A rodada ainda teve a vitória do Cruzeiro sobre o Ceará por 1 a 0, com gol de Montillo, em Uberlância. Os mineiros estão em 11º lugar, com 24 pontos. No próximo fim de semana a primeira metade do Brasileirão terá seu desfecho.

www.lancenet.com.br

sábado, 20 de agosto de 2011

No Choque-Rei Rivaldo faz seu primeiro clássico como titular

Foto: net/divulgaçã
Desde que chegou ao São Paulo, Rivaldo ainda não sabe o que é iniciar um clássico como titular. Diante do Palmeiras, vai ter a primeira chance. A oportunidade chega justamente contra quem o lançou para o futebol mundial e que, antes de acertar com o Tricolor, era declaradamente o clube de São Paulo que ele expressava maior carinho e vontade de um dia voltar a jogar.

Mas o destino fez com que, no início deste ano, o camisa 10 fosse parar no Morumbi. Luis Felipe Scolari não quis o meia no Alviverde, mas o Rogério Ceni e o coordenador técnico Milton Cruz convenceram a diretoria tricolor de que Rivaldo, como ele mesmo gosta de dizer, tinha muita lenha para queimar nos gramados.

- Para mim vai ser importante (jogar o clássico). Não sei o que o treinador vai decidir, se vou ou não ser titular. Mas minha expectativa de ajudar é grande. É um jogo de seis pontos, que podemos deixar eles bem atrás. Vai ser legal jogar. Se tiver essa chance, vai ser bom - afirmou Rivaldo, logo após empate em 1 a 1 com o América-MG.

- Não tenho nada contra o Felipão. Para mim, é uma grande pessoa, que me levou para o Mundial, para o Usbequistão e sou grato a ele – finalizou.

Em cinco clássicos este ano, Rivaldo entrou em três. No primeiro, contra o Santos, tinha sido anunciado poucos dias antes, então acabou fora. Depois, estava à diposição, mas só jogou três minutos na vitória por 2 a 1 sobre o Corinthians, 21 minutos na derrota para o Santos por 2 a 0 e nove no empate em 1 a 1 com o Palmeiras, este já pelo Brasileirão. São apenas 33 minutos em campo contra os principais rivais regionais.

Diante do Palmeiras, neste domingo, o camisa 10 vai ter a primeira oportunidade de iniciar um confronto. O jogador anda com moral com Adilson Batista, que assumiu após a saída de Carpegiani e, após dois duelos de Rivaldo com o interino Milton Cruz, o manteve no time.


Fonte: www.lancenet.com.br

sexta-feira, 19 de agosto de 2011


Foto: Divulgação

O ala-armador Leandrinho foi apresentado pelo Flamengo nesta manhã, no ginásio Hélio Machado, na Gávea. O jogador assinou contrato até dezembro, mas que pode ser renovado ou encerrado, dependendo do fim do locaute, na NBA.

A presidente do clube, Patrícia Amorim, declarou que as conversas com Leandrinho já duravam algum tempo. Com a queda de rendimento do clube, que encerrou a última temporada da NBB na quarta posição, a dirigente ressaltou a importância do reforço.

- Quem trouxe Marcelinho, Cielo e Ronaldinho, tem coragem pra trazer o Leandrinho. Começou numa brincadeira. Depois da conquista do bi da NBB, tivemos uma queda de rendimento e era importante dar uma mexida. Quanto ao Leandrinho, tivemos alguns capítulos este ano, mas fomos tímidos e acabou não rolando. Claro que a greve na NBA ajudou muito, mas nada disso seria possível se o Leandrinho não quisesse jogar aqui.

- Foi a primeira contratação que fiz como presidente do Flamengo em que os recursos vieram antes do jogador - disse Patrícia.

Leandrinho, que vestirá a camisa 28, em homenagem a sua mãe, admitiu que voltar a jogar no Brasil pesou na hora de aceitar a proposta.- Foi uma paquera mútua que existiu. Voltar a jogar no Brasil foi determinante. O Flamengo é um time que todo mundo quer jogar. Quero ser feliz, como muita gente é aqui. Meu contrato diz que assim que acabar a greve, temos que voltar. Porém a situação lá está muito feia. O Kobe mesmo, assinou para jogar na China. Se chegou a esse ponto, a expectativa não é das melhores. Agora é focar no Flamengo.
Leandrinho falou ainda sobre seu processo de recuperação, que o tirou da disputa do Pré-Olímpico de Mar del Plata e espera voltar a jogar em outubro.

- Minha recuperação está fluindo bem. Estava há mais de dez anos nesse ritmo forte. Ainda tenho que definir a questão do meu seguro. Meu repouso era necessário e quando estiver com condições, estarei a disposição do grupo. Vamos fazer um trabalho com o preparador físico do clube para definir quando poderei voltar a jogar. Devo jogar o carioca, mas o foco mesmo, inicialmente, é o sul-americano - disse Leandrinho.

Fonte: www.lancenet.com.br/

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Confiança continua selecionando atletas para a Copa São Paulo de Futebol Júnior

Cerca de cinco meses, esse é o tempo que falta para o início da Copa São Paulo de Futebol Júnior. O Confiança, um dos representantes do estado, sabe muito bem que a competição não é fácil, para isso o clube continua selecionando jovens promessas do futebol para integrar o time que vai disputar a Copinha.

É no estádio Sabino Ribeiro, mais precisamente na peneira do Dragão, que meninos buscam uma vaga na seleção sub 18 do Confiança. Os garotos se esforçam de segunda à sexta, capricham no treino físico.

Todos querem mostrar o melhor e quem sabe serem os selecionados. Ao todo, são 25 jogadores. Todos com um só desejo ser atacante. O time só será definido no dia 16 de setembro, quando terminam as inscrições.

Por Valdir Inácio
Com informações do Confiança

terça-feira, 16 de agosto de 2011

Olimpíadas Rio 2016: Prefeito de Aracaju cria bolsa atleta


A Prefeitura Municipal de Aracaju (PMA) deu um importante passo para garantir a participação de atletas locais nas Olimpíadas de 2016. O prefeito Edvaldo Nogueira lançou nesta segunda-feira, 15, o programa Bolsa Atleta, uma iniciativa única dentre as capitais do Nordeste e que possibilitará o apoio financeiro tanto aos atletas iniciantes, até os de alto rendimento.

Inicialmente, o projeto vai oferecer 80 bolsas a atletas divididos em três categorias: Júnior, Sênior e Master. Eles serão beneficiados, respectivamente, com bolsas de R$400, R$800 e R$1.500, que resultarão em um investimento anual de quase R$600 mil no fomento ao esporte local. O documento que cria o programa já foi encaminhado à Câmara Municipal de Aracaju (CMA) para ser aprovado. Os atletas devem receber o benefício ainda neste ano.

Para o prefeito Edvaldo Nogueira, trata-se de um desafio que envolve os três pilares da recém-criada Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Semel), em que o esporte é vislumbrado como importante agente de inclusão, de melhoria da qualidade de vida e de agregador social. "Estamos dando início a um trabalho que nos dará uma bela participação nas Olimpíadas. Há muitos esportes em que os sergipanos sempre ganham destaque. É uma caminhada que será dada com passos bem traçados", comemora.

Durante a solenidade de lançamento do programa, o prefeito ressaltou que apenas a cidade de Vitória, capital do estado do Espírito Santo, além dos Estados do Ceará e do Rio de Janeiro possuem iniciativa semelhante. "Em todo o estado do Rio de Janeiro, 160 atletas recebem o benefício. Aracaju está oferecendo 80 bolsas para os atletas da capital", explicou o prefeito lembrando que Aracaju também sai na frente no valor da bolsa em relação a todos os demais (que oferecem bolsas no valor de R$250 a R$1.500).

Edvaldo Nogueira ressaltou que os atletas paraolímpicos e os estudantes da rede municipal de ensino também serão incluídos na iniciativa. Uma comissão de avaliação composta por membros da Semel e representantes das federações esportivas vão coordenar os trabalhos de seleção, fiscalização e acompanhamento dos atletas. "O objetivo é fomentar o esporte na cidade, notadamente o de alto rendimento, e já nos prepararmos para as olimpíadas de 2016. É uma forma de privilegiar e patrocinar os atletas", completa o prefeito.

Serão contempladas, dentre outros esportes, os atletas do judô, taekwondo, boxe, vôlei, futebol, basquete, handebol, natação, nado sincronizado, saltos ornamentais, pólo aquático, remo, vela, ciclismo, atletismo, triatlo, tênis, tênis de mesa entre outros. "Com isso nós vamos fortalecer os atletas que já desenvolvem um bom trabalho e fomentar o surgimento de novos talentos. Nossa principal meta é fazer com que em 2016 Aracaju tenha representantes disputando medalhas olímpicas no Rio de Janeiro", vaticina Edvaldo Nogueira.

Patrocínio

Para o secretário Municipal de Esportes e Lazer, Fábio Mitidieri, o Bolsa Atleta é a realização de um sonho para qualquer esportista, principalmente aqueles que enfrentam dificuldades em conseguir patrocínio. "Hoje estamos realizando esse sonho. E o apoio que estamos dando é o maior do Brasil. Isto significa que teremos atletas aracajuanos disputando medalhas em 2016. Vamos agora analisar com as federações e comissões quais os critérios para conceder as bolsas. Ainda este ano o programa será implementado", acrescenta.

Eric Cruz da Silva, premiado com quatro medalhas no último final de semana durante o Campeonato Norte Nordeste de Ciclismo, também comemorou o lançamento do projeto. Estudante da rede municipal de ensino, ele acredita que o apoio vai ser fundamental para chegar às Olimpíadas. "A Bolsa vai ajudar no meu desenvolvimento enquanto atleta em vários aspectos, principalmente para a compra de equipamentos, de material esportivo, na alimentação e viagens para competir", explica.

O atleta, que ganhou três medalhas de bronze e uma de prata na categoria juvenil, diz que a intenção, agora, é chegar, no mínimo, à terceira posição no pódio geral da modalidade e carimbar a participação no evento mundial. "Agora isso vai ficar mais fácil, porque essa bolsa vai melhorar muito a minha preparação", completa.

A presidente da Federação Sergipana de Ginástica, Márcia Lima, concorda com o que diz o jovem atleta e guarda grandes expectativas sobre a participação das ginastas nas Olimpíadas. "Foi um grande presente para nossos atletas, porque eles terão mais condições de competir e, com isso, obter bons resultados. Nós temos talentos sendo descobertos dentro da GR, que vão ter melhores condições para se dedicar aos treinos", comenta.

Presenças

O prefeito Edvaldo Nogueira entregou à vereadora Karla Trindade, que representou o presidente da CMA Emmanuel Nascimento, o projeto de lei que cria o Programa Bolsa Atleta para que ele fosse logo encaminhado à votação.

Também compareceram à solenidade de lançamento do projeto os vereadores Ivaldo José, Moritos Matos e Evando Franca; o secretário de Estado do Esporte e Lazer, Maurício Pimentel, os secretários municipais de Assistências Social e Cidadania, Bosco Rollemberg; de Finanças, Jefferson Passos; de Educação, Antônio Bittencourt; de comunicação, Marcos Cardoso; o presidente da Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb), Osvaldo Nascimento e presidentes de diversas federações de modalidades esportivas.

Fonte: emsergipe.com

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

"Quero sempre dar o melhor por este clube"


Foto: Rubens Chiri

O volante Denilson foi expulso na derrota para o Ceará por 2 a 1, na última quarta-feira, pela Sul-Americana. Foi a segunda expulsão do camisa 15 no retorno ao clube. Triste com o fato, o são-paulino pediu desculpas aos torcedores do Tricolor nesta quinta-feira.

"Estou muito triste por tudo que aconteceu. Mal consegui dormir esta noite. Peço desculpas e aproveito para agradecer o apoio do torcedor e dos meus companheiros. Garanto que minha história no São Paulo será muito diferente do que vem acontecendo neste recomeço. Quero sempre dar o melhor por este clube", disse o jogador, que completou:

"Tenho apenas um cartão vermelho em seis temporadas na Inglaterra. Os dois primeiros amarelos que originaram as expulsões nem merecidos foram. O Inglês e o Brasileiro têm arbitragens diferentes, mas isso não tem a ver com adaptação. Não sou um jogador violento", ressaltou Denilson, por meio de sua assessoria.

Antes do cartão vermelho diante dos cearenses, Denilson recebeu um na vitória sobre o Coritiba por 4 a 3, no Couto Pereira, pelo Campeonato Brasileiro. Por conta desta expulsão, ele foi julgado na última quarta-feira e pegou dois jogos de suspensão. Ele está fora da partida contra o Atlético-PR, sábado, no Morumbi.

Fonte: ww.saopaulofc.net

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Mano prepara seleção para amistoso com a Alemanha quarta-feira

(Livia Villas Boas/Folhapress)

O técnico Mano Menezes começa nesta semana a segunda etapa do seu trabalho na seleção brasileira. Quarta-feira, às 15h45 (de Brasília), comanda a equipe no amistoso contra a Alemanha. Os jogadores de times brasileiros embarcaram domingo à noite e nesta segunda se juntam ao que atuam na Europa em Stuttgart, local da partida. O zagueiro David Luiz, do Chelsea, não se apresentará. Ele foi cortado no sábado, consequência de uma tendinite no joelho esquerdo.

Mano está na seleção há pouco mais de um ano. A primeira fase do processo de renovação teve alguns percalços. A seleção não venceu nenhum dos adversários mais tradicionais que enfrentou em amistosos e foi reprovada na competição oficial que disputou, a Copa América: o Brasil caiu nas quartas de final ao perder nos pênaltis para o Paraguai (quatro cobranças desperdiçadas) e, nas quatro partidas que realizou, jamais chegou a apresentar futebol convincente.

Mesmo com as críticas, Mano não vê motivos para mudar o rumo de seu trabalho. Vai continuar testando jogadores - o zagueiro Dedé e os volantes Ralf e Luís Gustavo foram convocados pela primeira vez, para o amistoso com os alemães - e irá manter a preferência por adversários de alto nível. "Estamos começando a segunda etapa depois da Copa América", disse Mano. "Acho que estamos no caminho certo. Ainda estamos na etapa de encontrar jogadores com capacidade de suportar esta transição."

Os testes não visam apenas a seleção principal. Mano vai intensificar, a partir de agora, as observações para a montar a equipe que disputará a Olimpíada de Londres, no próximo ano.

Fonte: www.estadao.com.br

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Corinthians no aguardo do desfecho de Ganso, Santos e a DIS


Foto: net

O Corinthians segue acompanhando de perto o imbróglio envolvendo a permanência de Ganso no Santos. Edu Gaspar, gerente de futebol do Timão, confirmou que a DIS, empresa que gerencia a carreira do meia, segue tentando tirá-lo da Vila Belmiro.

A saída de Ganso do Santos é um desejo antigo da DIS, braço esportivo do Grupo Sonda, que detém 45% dos direitos econômicos do jogador (os outros 45% pertencem ao Santos e 10% são próprio Ganso).

- A situação é a seguinte: o Corinthians está vendo a situação do lado de fora, tem pouco poder de negociação entre as partes. Grandes jogadores sempre interessam. Existe a DIS, o atleta e o Santos, eles estão negociando. A DIS quer tirá-lo do Santos para levá-lo para Europa - disse Edu, à TV Bandeirantes.

- É uma negociação entre três partes. Se por acaso ele sair do Santos, e a DIS quiser colocá-lo no Corinthians durante um ano, 18 meses, estamos à disposição, já que viria por um custo zero praticamente. Por que não? Estamos vendo. Mas isso já aconteceu na vez passada, a situação é idêntica. Não tem nada assinado, nada com o Corinthians. Esperamos eles (DIS, Ganso e Santos) resolverrem a situação - complementou.


No dia 12 de abril, o LANCENET! revelou que Ganso disse "sim" ao Corinthians. O acordo foi encaminhado em encontro do jogador com Ronaldo, na sede da 9ine, agência de marketing esportivo. O presidente corintiano, Andrés Sanchez, que é conselheiro da empresa, também participou da reunião para negociar a transferência. Ganso tem contrato com o Santos até fevereiro de 2015, e sua saída seria por meio do pagamento da multa rescisória. Para o mercado nacional, o valor é de R$ 59,4 milhões.



www.lancenet.com.br

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

"É difícil manter Neymar no Santos", declara Pelé

Carl de Souza/France Presse
Em Londres, onde foi participar de uma promoção como embaixador do time americano New York Cosmos, Pelé mandou um alerta ao seu compatriota Neymar, muito cobiçado por outros clubes, afirmando que ele deve seguir seu exemplo e ficar no Santos ao invés de ir à Europa. Mas disse que é "muito difícil" para a equipe paulista manter o jogador no elenco.

O desempenho do atacante do Santos tem criado comparações com Pelé quando tinha a mesma idade, 19 anos, e o jogador foi vinculado ao Chelsea ou ao Manchester United na Liga Inglesa.

No entanto, Pelé, de 70 anos, que venceu três Copas do Mundo e passou praticamente toda a sua carreira no Santos, acredita que seria melhor para Neymar desenvolver sua carreira em casa.

"Ele pode ser um grande jogador, ele pode ser como (Lionel) Messi ou Ronaldo, sem dúvida", disse Pelé a jornalistas durante um evento em Londres.

"Mas eu acho que é um pouco complicado para ele ser transferido para um clube na Inglaterra ou na Itália no momento. A marcação é muito fechada lá."

"Ele acharia um pouco difícil porque ele é muito jovem. O jogo é muito físico na Inglaterra e na Itália. Talvez na Holanda ou na França, ou mesmo na Espanha seria melhor para ele."

Com o Brasil sediando a Copa do Mundo em 2014, Pelé acredita que seria bom para as chances do Brasil manter Neymar longe das garras dos grandes clubes europeus.

"Eu acho que é muito difícil mantê-lo no Brasil", disse Pelé. "O Santos é meu time e ele começou lá conosco. Eu espero que ele fique lá até mais ou menos a Copa do Mundo de 2014, mas ainda é um pouco difícil mantê-lo aqui."

"Ele não atingiu seu potencial ainda, mas ele já é um excelente jogador."


terça-feira, 2 de agosto de 2011

Brasil 3 a 0 sobre a Áustria no Mundial Sub-20 na Colômbia



Henrique abriu o placar na goleada de 3 a 0 sobre a Áustria
(Foto: David Fernández/EFE)
A noite desta segunda-feira começou com o Egito colocando pressão na Seleçao Sub-20. Com a vitória dos egípcios por 1 a 0 em cima do Panamá, o Brasil precisava de um bom placar em cima da Áustria para ficar em primeiro lugar do Grupo E do Mundial da Colômbia 2011. E o que aconteceu? 3 a 0, com gols de Henrique, Philippe Coutinho e Willian.

Com muito volume de jogo, o Brasil foi para cima logo de cara. Oscar participava de todos os lances de perigo da Seleção e quando saiu o primeiro gol não seria diferente. O camisa 11 tabelou com Philippe Coutinho pela direita do ataque brasileiro e deixou Henrique livre para abrir o placar.

Quase que Willian amplia a vantagem brasileira antes do intervalo, mas o chute forte explodiu no travessão. O segundo gol só veio mesmo na segunta etapa. Oscar fez linda jogada, carregou a bola com categoria e tocou para Danilo. O lateral-direito foi derrubado pelo goleiro dentro da área, e o juiz marcou pênalti. Philippe Coutinho bateu e fez 2 a 0.
Mas foi o terceiro gol brasileiro que ilustrou da melhor maneira a atuação da equipe. Em uma jogada muito bem trabalhada coletivamente, Oscar tocou para Philippe Coutinho, que "de letra" passou para Casemiro. "Casão", como é chamado pelos amigos, achou Willian completamente livre. E o camisa 9 fez o que se espera dele: empurrou para o fundo das redes e fechou o placar.
A vitória colocou o Brasil em primeiro lugar do Grupo E com os mesmos 4 pontos do Egito, mas com quatro gols marcados contra apenas dois. Áustria e Panamá vêm depois com um ponto cada.