Outras páginas

sexta-feira, 27 de setembro de 2013

Política: Eduardo Amorim “Aliados nos chamaram para o desafio, e nós não fugimos”.

“Aliados nos chamaram para o desafio, e nós não fugimos”, diz Eduardo
Foto: Walter Costa/Ascom senador
CANINDÉ, Sergipe "Um novo tempo, um novo Sergipe". “Partidos aliados nos chamaram para esse desafio, e nós não fugimos, nós nos colocamos à disposição, tendo toda consideração pela Legislação Eleitoral...". Declarou o senador Eduardo Amorim durante a II Plenária do PSC.

Confira a seguir matéria na integra.





Valdir Inácio
Graduando em Gestão Pública

Provocado pela imprensa na manhã desta sexta-feira, 27, durante a II Plenária do PSC - "Um novo tempo, um novo Sergipe", a respeito da disposição do seu nome para a disputa ao Governo do Estado nas próximas eleições, o senador Eduardo Amorim ratificou sua pré-candidatura dizendo: “Partidos aliados nos chamaram para esse desafio, e nós não fugimos, nós nos colocamos à disposição, tendo toda consideração pela Legislação Eleitoral. Pessoas de bem precisam entrar na política. Ocupar os espaços de decisão, para priorizar os serviços importantes para população, como a Saúde, Educação e outros”.

De acordo com o senador, são 14 partidos que, até o momento, compõem o projeto em torno da sua candidatura e nos próximos dias mais podemos se achegar ao grupo. “A gente fala de esperança por um Sergipe muito melhor. E vendo a política como instrumento de transformação e de servir. Estou nessa caminhada disposto a ouvir o povo para que possamos desenhar planos que possamos ver a realização de muitos sonhos”, disse ele.

Ricardo Franco

Questionado sobre as articulações para a composição da chapa majoritária e a especulação sobre a participação do empresário Ricardo Franco (filiado hoje ao PTB), Eduardo diz que as conclusões devem ficar para 2014, mas destaca: “Ricardo Franco colocou seu nome à disposição, mas nunca impôs nada. Vejo isso com muita grandiosidade da parte dele e de acreditar nessa caminhada”.

O pré-candidato do PSC também disse à imprensa que tem conversado com diversas lideranças como o prefeito João Alves, o vice José Carlos Machado, entre outros. “Converso com todos. Ainda essa semana conversei também com o prefeito de Lagarto, mas não existe nenhuma imposição. O dialogo é a liga de qualquer relação, na política também”.

Por: Raissa Cruz

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos pela sua visita e comentário.