Outras páginas

quinta-feira, 6 de junho de 2013

Ensaio para GREVE: Servidores de Canindé de São Francisco paralisam atividades no dia 11 de junho

CANINDÉ, Sergipe - O prato principal do café da manhã dos servidores, "SONHO". 









Valdir Inácio
Graduando em Gestão Pública

Na noite do dia, 05/06, aconteceu no clube Altemar Dutra mais uma assembléia do SINDISERVE - Sindicato dos Servidores Públicos do Município de Canindé de São Francisco. Na ocasião, o presidente do SINDISERVE, Emanoel Aleixo, apresentou os avanços nas negociações junto a administração do prefeito, Heleno Silva. 

Foto/Divulgação
De acordo com o presidente do SINDISERVE, aconteceu uma reunião entre a administração e o sindicato, tendo a presença do prefeito, Heleno Silva, do secretário de finanças, José Nenê, do secretário da Administração, Luzivaldo Ferreira, e do secretário de esportes, Edmilson Balbino. Pelo sindicato marcaram presença Emanoel Aleixo, Gonçalves e José Adailton. A nova proposta feita pela administração foi de 7,36%. De acordo com o secretário Luzivaldo Ferreira, depois de todos os estudos técnicos administrativos e contábeis realizados, esse valor não inviabilizará a municipalidade. 

Porém, cabe ressaltar que a folha de pagamento solicitada pelo SINDISERVE e MP - Ministério Público não foi entregue. Forçando assim, mais uma vez o sindicato ter que solicitar ao MP uma posição mai dura junto à administração do prefeito, Heleno Silva. 

Ou seja, de acordo com informações do SINDISERVE Canindé, o Ministério Público intimou à administração do prefeito, Heleno Silva, a entregar no prazo de 05 (cinco) dias a folha de pagamento. Caso isso não ocorra, o MP entrará com uma ação de improbidade administrativa.

Entenda melhor


Imagem/Divulgação
A improbidade administrativa é a designação técnica para a corrupção administrativa. Qualquer ato praticado por administrador público contrário à moral e à lei; ação ou omissão que viole os deveres de honestidade, imparcialidade, legalidade e lealdade às instituições.


Entre os atos de improbidade estão o enriquecimento ilícito, o superfaturamento, a lesão aos cofres públicos, o "tráfico de influência" e o favorecimento, mediante a concessão de favores e privilégios ilícitos, e a revelação de fato ou circunstância de que o funcionário tem ciência em razão das atribuições e que deva permanecer em segredo.

Dessa forma, a prefeitura de Canindé tem a obrigação de entregar a folha de pagamento no prazo solicitado. Conforme escrevemos no artigo anteriorporque será que o prefeito, Heleno Silva, omite a folha de pagamento dos servidores público municipal?

A sociedade não quer acreditar que as velhas práticas de altos salários, gratificações absurdas e a cultura de funcionários laranjas estão acontecendo nesse novo tempo da administração do prefeito Heleno Silva. 

O prefeito, Heleno Silva, em seus discursos na eleição passada combatia a farra com o dinheiro público, assim como sempre colocou que os 10 milhões de Canindé poderia pagar melhores salários, dá qualidade de vida as pessoas e combater as injustiças sociais. O discurso de mudança foi palavras soltas, apenas um SONHOS? 

Por que gestão municipal pode pagar até 200% de gratificação para médicos, enfermeiros e odontólogos? Os servidores efetivos não tem o direito de serem valorizados e receberemos honorários dignos?

A Câmara Municipal

Em relação aos vereadores, o que eles tem a dizer sobre o assunto?

Lembrei que, uma das diversas servidoras presentes na assembléia criticou a falta de apoio prático dos vereadores. De acordo com as suas palavras, os nobres edis, principalmente os seis da "oposição", não estão ajudando os servidores em sua luta.  

Em relação a folha de pagamento, bem que a Câmara Municipal poderia ter solicitado. Pois, poder para isso tem. Se o prefeito não encaminhar, a Câmara Municipal pode criar uma CPI - Comissão Parlamentar de Inquérito é um organismo de investigação e apuração de denúncias que visa proteger os interesses da coletividade. 

A paralisação 

Na próxima terça-feira, 11/06, acontecerá uma ato público onde os servidores estarão a partir das, 7h30min, tomando café com SONHOS em frente ao prédio da Biblioteca Municipal. Em seguida, a categoria fará um ato com apitos, onde passará pela frente das principais secretarias municipais.

O momento é de luta e conquistas. A sociedade canindeense precisa apoiar essa causa tão justa e necessária, pois os 13 milhões que Canindé recebe mensalmente, pode pagar salários dignos aos seus servidores. 

Enfim, promessas geram sonhos. E, a sociedade espera que as promessas e os sonhos sejam transformados em realidades. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos pela sua visita e comentário.