Outras páginas

quarta-feira, 8 de abril de 2020

Nota Pública sobre o funcionamento do Hospital Haydee de Carvalho Leite Santos




Confira a nota na íntegra clicando aqui.


Prefeitura Municipal de Canindé de São Francisco esclarece à população canindeense que, a declaração tendenciosa e descabida por parte de um parlamentar que publicou vídeo na rede social na noite do dia 06/04/2020, sobre o suposto “abandono” do Hospital Haydee de Carvalho Leite Santos, NÃO CONDIZ COM A VERDADE DOS FATOS.


Nesse sentido, elencamos alguns pontos necessários para restabelecer a verdade do que ocorreu naquela noite.


1.    Naquele dia o hospital tinha a sua disposição duas (2) ambulâncias de remoção simples para realizar assistência aos munícipes e translado de pacientes de baixa e média complexidade no âmbito municipal e intermunicipal;


2.    No plantão daquela noite uma ambulância estava em transito (levando paciente) transferido para unidade regional fora do município. Ficando o hospital, apenas com uma ambulância para assistir e apoiar a unidade em situação de urgência;


3.    O paciente (relatado pelo parlamentar na rede social) foi atendido, assistido e observado até sua alta hospitalar. Em seguida foi orientado pela equipe de enfermagem para aguardar a disponibilidade do retorno da ambulância para levá-lo em sua casa;


4.    O paciente não quis esperar e solicitou aos seus parentes que o levasse por conta própria para casa;


5. O Hospital Haydee de Carvalho Leite Santos, por meio de seu corpo de profissionais, vem se empenhando para manter assistência 24h à população do município de Canindé de São Francisco. 


A Gestão Municipal de Canindé de São Francisco repudia esse tipo de comportamento do vereador, querendo se promover no período eleitoral. Afirma ainda, que Unidade de Saúde (Hospital) está em pleno funcionamento e atendendo todos que dela necessitam


Informa também, que foi aberto um processo de licitação em caráter emergencial para contratação de mais duas (2) ambulâncias. No entanto, conforme rege a lei é necessário aguardar os prazos licitatórios. Ocorrido essa etapa será feita a contratação com a empresa vencedora. 


Por fim, a Gestão Municipal entende que, constitucionalmente, o Poder Legislativo tem o dever de fiscalizar as ações do Poder Executivo e ajudá-lo com a criação de leis que beneficiem o município e o seu povo, devendo os poderes atuarem de forma harmônica e respeitosa.


Fonte: ASCOM Prefeitura Municipal de Canindé de São Francisco

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos pela sua visita e comentário.